Secretaria Municipal de Assistência Social, Proteção e Assuntos Comunitários

O Programa Criança Feliz é uma ação do Governo Federal, instituído por meio do decreto nº 8.869/2016, de caráter intersetorial, com a finalidade de promover o desenvolvimento integral das crianças na primeira infância, considerando sua família e seu contexto de vida. O Programa se desenvolve por meio de visitas domiciliares que buscam envolver ações de saúde, educação, assistência social, cultura e direitos humanos.

Acompanhamentos do programa criança feliz

Atividades de acompanhamentos

Acompanhamento gestacional e infantil

Gestantes, crianças de até 3 (três) anos e suas famílias beneficiárias do Bolsa Família

Saber mais

Primeira Infância

Ao Promover o desenvolvimento humano a partir do apoio e do acompanhamento do desenvolvimento infantil integral na primeira infância.

Saber mais

Vínculo Familiar

O Colaborar no exercício da parentalidade, fortalecendo os vínculos e o papel das famílias para o desempenho da função de cuidado, proteção e educação de crianças na faixa etária de até seis anos de idade.

Saber mais

Público Alvo

    1 - Gestantes, crianças de até 3 (três) anos e suas famílias beneficiárias do Bolsa Família;
    2 - Crianças de até 6 (seis) anos e suas famílias beneficiárias do BPC2;
    3 - Crianças de até 6 (seis) anos afastadas do convívio familiar em razão da aplicação de medida protetiva prevista no Estatuto da Criança e do Adolescente;

Saber mais

Construindo brinquedo com material reciclado - visitadora Mariane, Marabá-PA.

Notícias e Orientações - PCF MARABA


Juntos vamos vencer esta luta, a Secretaria Municipal de Assistência Social, Proteção e Assuntos Comunitários, através do Programa Criança Feliz realizou entregas de máscaras infantis para crianças acompanhadas.

As crianças devem usar máscara de pano?

Crianças com menos de dois anos de idade não devem usar coberturas faciais de pano. Porém, elas devem usá-las em lugares em que não puderem ficar a dois metros de distância dos outros. Por exemplo, se você precisar levá-los ao médico, farmácia ou supermercado. No entanto, há outros lugares onde as crianças NÃO precisam usar uma cobertura de pano para o rosto.

Em casa, se eles não tenham sido expostos a ninguém com Covid-19.Fora de casa, desde que possam ficar a pelo menos dois metros de distância dos outros e evitar tocar nas superfícies. Por exemplo, é bom dar um passeio desde que seus filhos fiquem a um metro e meio de distância dos outros e não toquem em mesas, fontes de água, equipamentos de playground ou outras coisas que as pessoas infectadas possam ter tocado.

Cuidado: Pode ser necessário reconsiderar o uso máscara de pano se:

As coberturas faciais são possíveis riscos de asfixia ou estrangulamento para o seu filho.Usar a cobertura do rosto de pano faz com que seu filho toque o rosto com mais frequência do que quando não o usa.Ficar em casa e o distanciamento físico ainda são a melhor maneira de proteger sua família da Covid-19. Especialmente para crianças mais novas que podem não entender por que não conseguem correr em direção a outras pessoas ou tocar em coisas que não deveriam. Nesse caso, é melhor mantê-las em casa. As crianças doentes (febre, tosse, congestão, coriza, diarreia ou vômito) também não devem sair de casa.

As orientações foram passadas para a família, assim como também uma mini cartilha. Em anexo ao pacote da máscara. Vale ressaltar que o tecido e adequado para crianças não sendo o mesmo material das de adultos.

Image
Conheça-nos

Sobre nós

O Programa Criança Feliz (PCF), da Secretaria de Assistência Social, Proteção e Assuntos Comunitários (Seaspac) substituiu temporariamente a maioria das visitas domiciliares para o atendimento remoto via telefone e Whatsapp e pelo site do programa. A medida visa não deixar as famílias desamparadas durante esse momento de pandemia.

O programa cobre atualmente 316 crianças e 92 gestantes. A pequena Kaliandra Brasil da Silva, 2 anos, é uma das crianças que já começou a usar o método online para continuar seu desenvolvimento. “Ela sentia falta das atividades e da visitadora. Eu falo para ela que a Angelica mandou e ela faz todas as atividades feliz”, conta a mãe, a atendente Kauane Leticia Brasil, de 27 anos. Angélica Siqueira Quaresma de Souza é a visitadora que acompanha a criança através do PCF. Ela conta que as visitas eram realizadas toda semana durante o período normal e agora o contato online também é feito semanalmente. “A gente entra em contato, passa as orientações, quais atividades pedagógicas devem ser executadas, conversa sobre como está o processo, a evolução, se a criança gostou”, explica. Além do contato com os visitadores, o site do programa é constantemente atualizado. “Eu disponibilizo e atualizo toda semana as atividades no site. Nós temos uma parte que diz as atividades da semana e como estimular a criança. Explicando todas as atividades que devem ser realizadas de acordo com a faixa etária”, explica Luís Silva de Souza, coordenador do PCF em Marabá. Luís Silva de Souza, coordenador Kauane conta que antes não podia acompanhar as atividades junto à visitadora, pois estava trabalhando. A agora que está em casa, devido à quarentena, fica feliz de poder ver a evolução da criança. “Ela vai evoluindo nas atividades que são passadas, entende e realiza tudo. Acho muito bom, quanto mais aprender melhor para vida dela. Ela é tão pequenininha, mas é a coisa que fica. Educação aprendizado é para o resto da vida”, completa. Kauane Leticia Brasil Pequena Kaliandra

O Programa

O PCF atende crianças de 0 a 36 meses e gestantes, através do Cadastro Único para Benefícios Sociais e o Bolsa Família, e crianças de 0 a 72 meses portadoras de necessidades especiais, por meio do Benefício de Prestação Continuada (BPC). O objetivo é alcançar esse público que ainda não é assistido na educação. “O desenvolvimento infantil nessa etapa é de total importância, então pensamos em uma metodologia para melhorar essa fase do crescimento”, explica Luís Silva de Souza, coordenador do PCF em Marabá. O Programa foi implantado no município no dia 22 de outubro de 2017, no primeiro ano da atual gestão. Logo após começou o período de estruturação da equipe, organização de logística e organização de busca ativa que passou a identificar as famílias e os territórios de atuação. Atualmente a equipe é composta por um Coordenador e 12 visitadores. Em um período normal chegam a ser realizadas seis visitas ao dia, por cada visitador, durante as terças e quartas-feiras.

O Criança Feliz funciona através de visitas domiciliares. Uma visitadora se dirige até casa da família aonde trabalha atividades sociopedagógicas com as crianças. Durante o período de isolamento social esse acompanhamento está sendo realizado de forma online e a própria família fica responsável pela execução das atividades com a criança. O retorno é feito por envio de vídeos e fotos das atividades por solicitação das equipes. No ano passado o programa beneficiou 490 famílias.

E quem não tem celular?

Algumas visitas ainda são realizadas para as famílias que não possuem forma de comunicação à distância, sendo 36 famílias nessa situação. As visitas são realizadas mantendo o distanciamento social. Os visitadores passam na casa das pessoas, informam quais atividades devem ser realizadas, orientam os pais ou familiares e acompanham a distância a realização do processo.

  • Acompanhamento
  • Primeira infância
  • CadÚnico
  • Visitas

Vídeo institucional

Atividades para esta semana!

COMO ESTIMULAR SEU FILHO

Image

Objetivos

Interagir e brincar e só começar! Conheça as etapas do crescimento do seu filho até os 3 anos de vida e algumas dicas de como estimular cognição, socialização, coordenação motora e linguagem

Saiba Mais

Fotos

ATIVIDADES MINISTRADAS PELOS VISITADORES DO PROGRAMA CRIANÇA FELIZ

Fale conosco!

Contate-nos

O software SGA-PCF é uma aplicação web que foi desenvolvida na Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Marabá, por Jociel Gregório de Sousa, em suas atividades como servidor público. Visando oferecer um apoio automatizado para o gerenciamento das atividades relacionadas com a comunicação e entrega de relatórios práticos dos usuários beneficiários do Programa Criança Feliz.

Assine e fique por dentro das novidades sobre os serviços prestados a população marabaense.

DESENVOLVEDOR : JOCIEL G DE SOUSA
CONTATO:jociel_gregorio@hotmail.com
Copyright © Todos os direitos reservados | Este modelo é feito com Colorlib